Cultura Maker: faça você mesmo!

 em Notícias

Existe um movimento cultural, mundialmente conhecido, chamado “Maker’’. Você já ouviu falar? A principal bandeira desta prática é a ideia de que as pessoas (pessoas comuns, como eu e você) podem e devem construir e produzir, seja lá o que for, com as próprias mãos. É uma ampliação do famoso “Faça-Você-Mesmo” (“Do-It-Yourself’’). Aqui, há o incentivo para que você possa criar, consertar e modificar as suas próprias coisas. Bem legal, né?

Quando falamos de cultura Maker, estamos pensando também nos recursos tecnológicos que podem ser utilizados: kits de robótica, placa Arduíno, impressoras 3D, cortadoras a laser e por aí vai… O movimento Maker está diretamente ligado a experimentações e inovações. Unindo o “Faça-Você-Mesmo” com o código aberto (softwares com código disponível para download e também um termo que diz respeito a colaboração entre desenvolvedores), a criação e a fabricação de produtos ficou, digamos, mais “simples”.

Antes, a imagem de grandes fábricas e máquinas e suas linhas industriais era muito presente. Hoje, os processos se tornaram mais ágeis, acessíveis e democráticos. Especialistas acreditam que movimento Maker seja a nova Revolução Industrial. A cultura Maker também incentiva muito a colaboração, trabalho em equipe e a interação. Todo mundo pode se ajudar para construir algo maior e melhor!

Neste começo de ano, mês de férias, que tal aproveitar para tirar alguma ideia massa do papel? Vamos explorar nossa criatividade, pessoal! Conta pra gente quais são seus planos para 2019! 😀

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar